Categoria: Notícias (Página 1 de 65)

image_print

Confira o edital do Doutorado Acadêmico 2020.2

Download PDF

Com carga de 40 horas semanais, o curso oferece 6 vagas. Interessados podem se inscrever de 4 a 11 de novembro . Confira o edital

O Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos/Fiocruz) torna pública a segunda abertura das inscrições para o curso de Doutorado Acadêmico em Pesquisa Translacional em Fármacos e Medicamentos.

O curso será gratuito e as aulas serão ministradas virtual ou presencialmente, no Campus Manguinhos e/ou no Complexo Tecnológico de Medicamentos, em Jacarepaguá, de acordo com o calendário do referido curso.

Clique na imagem abaixo e acesse o Edital.

 

 

Inscrições abertas para Especialização em Inovação em Medicamentos da Biodiversidade

Download PDF

Com carga de 360 horas, o curso oferece 30 vagas e iniciará as aulas em de 2021. Interessados podem se inscrever até 30 de novembro . Confira o edital

O Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos / Fiocruz) torna público o edital para o Curso de Especialização em Inovação em Medicamentos da Biodiversidade. A capacitação visa qualificar profissionais de nível superior interessados em atuar em projetos, programas e políticas relacionados à inovação em medicamentos da biodiversidade, especialmente aqueles de origem vegetal.

O curso oferece 30 vagas e iniciará em janeiro de 2021, com o término das aulas previsto para dezembro de 2021. A carga horária total é de 360 horas. As aulas serão ministradas no Complexo Tecnológico de Medicamentos (CTM) de Farmanguinhos, em Jacarepaguá.

Clique na imagem abaixo e acesse o Edital de Chamada Pública para o ano de 2021.

Inscrições abertas para especialização em Tecnologias Industriais Farmacêuticas

Download PDF

Com carga de 390 horas, o curso oferece 20 vagas e iniciará as aulas em janeiro de 2021. Interessados podem se inscrever até 19 de novembro. Confira o edital

O Instituto de Tecnologia em Fármacos (Farmanguinhos / Fiocruz) torna público o edital para o Curso de Especialização em Tecnologias Industriais Farmacêuticas. A capacitação objetiva a formação de profissionais com visão de inovação, que possam atender aos desafios do desenvolvimento de produtos, identificar novas soluções, estratégias e melhores práticas para aumentar a eficiência e o sucesso dos programas de desenvolvimento de produtos farmacêuticos.

O curso oferece 20 vagas e iniciará em janeiro de 2021, com o término das aulas previsto para dezembro de 2021. A carga horária total é de 390  horas, distribuídas em dois períodos letivos. As aulas serão ministradas virtualmente ou presencialmente no Instituto de Tecnologia de Fármacos, nos campi de Jacarepaguá ou de Manguinhos.

Clique na imagem abaixo e acesse o Edital de Chamada Pública para o ano de 2021.

Farmanguinhos exerce papel estratégico nas políticas de Assistência Farmacêutica

Download PDF

Mesmo em plena pandemia, o Instituto produziu mais de 346 milhões de medicamentos essenciais para o Sistema Único de Saúde (SUS)

(mais…)

Avança a proposta de cooperação científica internacional

Download PDF

Farmanguinhos e outras unidades da Fiocruz participaram de reunião para discutir parceria com a Universidade de Aveiro a fim de criar um mecanismo inédito de Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde na Europa

Uma delegação composta por diversas Unidades da Fiocruz (Farmaguinhos, Fiocruz Ceará, Bio-Manguinhos, IOC, INI, ICTB, ENSP, ICICT e Fiocruz Bahia) se reuniu pelo Zoom, no último mês, com o objetivo de discutir a proposta de Acordo de Cooperação Internacional com a Universidade de Aveiro para criar um Laboratório Binacional Brasil-Portugal para Ciência, Tecnologia e Inovação em Saúde (LBCTIS) que objetive a geração de produtos, processos e serviços inovadores e a transferência e a difusão de tecnologia.

Representantes das Unidades da Fiocruz durante a reunião, realizada pelo aplicativo Zoom.

A Parceria, que vislumbra ampliar a atuação da Fiocruz com organizações europeias, conta expressivo número de importantes apoiadores nacionais e internacionais e possui a expectativa de instituir um mecanismo inovador de Cooperação Internacional em sintonia com o Marco Legal da CTI e a Política de Inovação da Fiocruz. Neste caso, a ideia é que, por meio da presença física de pesquisadores da Fiocruz em centro internacional de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (PD&I), sejam desenvolvidos programas, projetos e ações bilaterais ou multilaterais, incluindo a abordagem One Health, em conjunto com redes, projetos de pesquisa tecnológica e centros de excelência em ensino, pesquisa e inovação.

Durante o encontro foram discutidos diversos assuntos relacionados ao fortalecimento da colaboração entre a Universidade e a Fiocruz e apresentado os itens da minuta do Plano de Trabalho, que está em processo de construção coletiva e aberto para sugestões, com a finalidade de atender às demandas da proposta. Além disso, foram também apresentados os resultados para esta cooperação, que inclui projetos concluídos na área da Indústria 4.0, com aplicação para as atividades do Instituto de Tecnologia em Fármacos.

Para o servidor de Farmanguinhos e um dos representantes da Unidade nesta coparticipação, Jorge Magalhães, essa parceria é importante para articular e fortalecer as cooperações da Fiocruz e ampliar o acesso do Instituto aos incentivos internacionais, com grande ganho para a sociedade brasileira.

“Esta proposta é um tema extremamente oportuno e importante para a Farmanguinhos, uma vez que está alinhado com as macros políticas da Fiocruz, especificamente com a Política de Inovação, e, consequentemente, com o Marco de Ciência, Tecnologia e Inovação brasileiro. Farmanguinhos, como Instituto de Tecnologia, terá à disposição, de forma mais centrada e célere, acesso aos fomentos, tecnologias e inovação de fármacos ou medicamentos, sejam em redes europeias ou na Comunidade dos Países de Língua Portuguesa, já que o parque tecnológico da Universidade de Aveiro, em Portugal, se torna central para Fiocruz no favorecimento de fortalecer as ações individuais ou em rede dos centros de Ciência, Tecnologia e Inovação nesses territórios” ressalta.

Em decorrência das manifestações muito positivas e amplo interesse das Unidades da Fundação no avanço da proposta relacionada ao Laboratório Binacional, o documento encontra-se no Sistema Fiocruz de Gestão Tecnológica e Inovação (GESTEC) e na Presidência, para atualização das informações e encaminhamento para C,T&I (Fiocruz – Universidade de Aveiro).

Página 1 de 65